• elciosch

A artrose no Brasil.


De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil, 15 milhões de pessoas sofrem de artrose. A maioria são mulheres com idade entre 45 e 50 anos, que normalmente é o período da menopausa. Esse índice tende a piorar conforme a idade avança. Pesquisas apontam que, entre 70% e 80% das pessoas acima de 65 anos, sofrem ou irão sofrer de artrose.

Basicamente, a artrose é uma doença degenerativa que atinge as articulações gerando inflamações. Ela ataca tanto as cartilagens quanto os ossos e nenhuma das nossas articulações está livre dessa doença.

A origem da artrose ainda não é 100% precisa, mas já se sabe que ela aparece quando o indivíduo teve um caso de fratura mal tratada ou um trauma causado por excesso de repetição de movimento.

As manifestações mais comuns em uma pessoa com artrose são: dores nas articulações, estalos e rigidez, porém, esses sintomas só começam a se manifestar quando a doença já está num grau mais avançado. Isso faz da artrose uma doença extremamente silenciosa e reforça a questão de que, quanto antes for diagnosticada, maiores as chances de sucesso do tratamento.

Ou seja, fazer exames periódicos, principalmente após os 45 anos, é muito importante para identificar e começar a tratar possíveis problemas de saúde como a artrose.

Vale lembrar que, a artrose não tem cura, porém, quanto antes for identificada, melhor é a resposta do organismo para os tratamentos que tem como objetivo amenizar os seus sintomas, fraturas e prolongar a qualidade de vida do paciente.

Se você está com idade entre 45 e 50 anos ou conhece alguém que esteja nesta faixa etária, procure um ortopedista ou reumatologista e faça exames preventivos. Isso pode te ajudar a ganhar anos importantes de qualidade de vida.

Dr. André Inácio – Ortopedia e Cirurgia do Joelho CRM-PR: 24 271 / RQE 16 814 Whats: 41 - 99134-0023



12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Av. Sete de Setembro 4848 - 9o Andar

Batel - Curitiba - Paraná

41. 3319-7818 / 99134-0023

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

© 2019 por André Inácio. 

Whatsapp Dr. André Inácio